terça-feira, julho 16, 2024
INICIALVariedadesNovembro Azul: conscientização contra o câncer de próstata

Novembro Azul: conscientização contra o câncer de próstata

O mês de novembro no Brasil é marcado pela cor azul, não apenas por ser o mês de combate ao câncer de próstata, mas também por ser o mês da conscientização da saúde masculina. A campanha “Novembro Azul” é um movimento que visa alertar os homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata, uma doença que afeta milhares de brasileiros anualmente.

A Origem da Campanha no Brasil

A campanha “Novembro Azul” teve origem na Austrália, no ano de 2003, quando um grupo de amigos decidiu deixar crescer seus bigodes durante o mês de novembro para chamar a atenção para o câncer de próstata e a saúde masculina em geral. O movimento ganhou notoriedade internacional e foi trazido ao Brasil em 2008, por meio da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU).

Desde então, a campanha se tornou um evento anual de conscientização sobre o câncer de próstata, uma das principais causas de mortalidade entre os homens no Brasil e no mundo.

Estatísticas alarmantes

O câncer de próstata é uma doença que merece atenção. No Brasil, ele é o segundo tipo mais comum de câncer entre os homens, ficando atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), a estimativa para 2022 foi de 65.840 novos casos da doença. Isso significa que a cada 7 minutos, um homem recebe o diagnóstico de câncer de próstata no país.

Além disso, o câncer de próstata é a quarta causa de morte por câncer em homens no Brasil, com uma taxa de mortalidade que varia conforme a região do país. Essas estatísticas são preocupantes, mas ressaltam a importância da conscientização e da prevenção.

O melhor caminho

A prevenção do câncer de próstata é fundamental para reduzir o impacto da doença. Os principais fatores de risco incluem a idade (homens a partir dos 50 anos), histórico familiar da doença e raça (os homens negros têm maior predisposição). A obesidade e uma dieta rica em gordura animal também estão associadas a um maior risco de desenvolver a doença.

O diagnóstico precoce é um dos maiores aliados na luta contra o câncer de próstata. Homens a partir dos 50 anos devem procurar um urologista para realizar exames de rotina, como o toque retal e o exame de sangue PSA (Antígeno Prostático Específico). Em casos de histórico familiar da doença ou outros fatores de risco, a idade para iniciar os exames preventivos pode ser reduzida para 45 anos.

Conscientização

O “Novembro Azul” desempenha um papel crucial na conscientização dos homens sobre a importância de cuidar da própria saúde. Durante o mês, diversas ações são realizadas em todo o país, como palestras, exames gratuitos, corridas e caminhadas, além da iluminação de monumentos e prédios públicos com a cor azul em apoio à causa.

É essencial que os homens se sintam à vontade para conversar sobre sua saúde e procurar ajuda quando necessário. O estigma em torno dos exames e do toque retal é um dos desafios a serem superados, e o “Novembro Azul” contribui para quebrar esse tabu.

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments