terça-feira, julho 16, 2024
INICIAL☆ Destaque 2Ação da DIG prende quatro criminosos por estelionatos e furto

Ação da DIG prende quatro criminosos por estelionatos e furto

Quatro homens, com idades de 32 e 41 anos, das cidades de Campinas (SP), Limeira (SP) e Iracemápolis (SP), foram presos por policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) em uma ação comandada pelo delegado Dalton David Ferreira, que foi deflagrada no domingo, 26 de fevereiro.

Os criminosos, que já possuíam passagens pela polícia, se faziam de supostos clientes de empresas que fazem locação de maquinários pesados e, de posse destas, alugadas, alte-ravam os sinais de identificação das mesmas e as vendiam para receptadores.

Os policiais civis passaram a investigar uma propriedade rural, em Estiva Gerbi (SP), após receberem informações de que o local estaria sendo utilizado para associação criminosa relacionada a furtos de máquinas agrícolas e de terraplanagem. O local seria utilizado para “guardar os maquinários” até que estes fossem destinados a receptadores.

Ao tomarem conhecimento que, no domingo, 26, existiriam duas máquinas no local e que as mesmas seriam transportadas, os policiais da DIG, montaram uma operação e passaram a observar à distância a movimentação na propriedade. Um caminhão, que tinha acoplada uma prancha, parou e estacionou em frente à propriedade e iniciou-se uma movimentação dos suspeitos, sendo que os maquinários foram colocados sob a prancha para serem transportados.

Ao acompanharem toda a ação, os policiais agiram e deram voz de parada aos suspeitos. Quatro tentaram se evadir, sendo capturados. O motorista do caminhão que transportaria os equipamentos permaneceu no lugar e posteriormente relatou que a empresa em que trabalha havia sido contratada para realizar o transporte. Inclusive, comprovando as in-formações através de documentações.

Todos foram encaminhados à sede da DIG, onde o proprietário das máquinas, um empresário de Holambra (SP), esteve. Ele contou que possui uma empresa de locação de maquinário, estabelecida na citada cidade, e que, no dia 10 de fevereiro, recebeu uma ligação telefônica de um suposto fazendeiro e que necessitava locar uma pá carregadeira, uma retroescavadeira e uma escavadeira.

Ao informar para que o maquinário seria utilizado, o empresário locador estranhou, mas deu continuidade ao atendimento, chegando inclusive a estar na propriedade rural para se certificar dos fatos. Os maquinários foram levados à propriedade rural em datas distintas. Além do maquinário locado, foi deixado no local uma caixa de ferramentas que seria destinada à manutenção.

O empresário, ao ser acionado pelos policiais civis, acabou tomando conhecimento que iria se tornar uma vítima de furto, já que seu maquinário locado seria repassado a receptadores. Os quatro homens foram autuados em flagrante e os maquiná-rios devolvidos à vítima.

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments